LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

28 de nov de 2009

Jovens católicos defendem Catedral de Medellín ante a convocatória de abortistas



.- 700 jovens se reuniram no átrio da Catedral de Medellín ante a anunciada convocatória de grupos feministas que pretendiam atacar o templo para manifestar seu apoio ao aborto.
Em menos de doze horas, os católicos se organizaram para proteger a Catedral em uma concentração pacífica, marcada pela oração do Terço e cantos religiosos.
Os abortistas, que logo que somaram 30 manifestantes, não puderam concretizar o propósito de sua convocatória: protagonizar um ato massivo de apostasia e colar pôsteres ofensivos nas portas do principal templo da cidade.

Os manifestantes anti-vida partiram logo depois de vociferar insultos aos assistentes.
"Este fato nos demonstra que a fé na cidade está viva, que os jovens amam a Igreja e queremos viver segundo a doutrina que na Igreja o Senhor Jesus nos deixou", declarou Liliana Vélez, uma das jovens que defendeu a Catedral.

Do mesmo modo, recordou que "como católicos merecemos respeito e temos todo o direito de que fazer que nos respeitem" assim como expressar "que nossos pastores, sacerdotes e bispos, não estão sozinhos, contam com um laicado entusiasta e decidido a lutar contra a anti-cultura de morte que alguns grupos querem impor à força, manipulando dados estatísticos, pressionando as autoridades municipais com organismos internacionais e com forjadas interpretações das leis e a constituição".

"Os católicos vão defender Medellín e Colômbia porque não queremos viver a degradação social e moral que hoje vive a Espanha e a Europa em geral, queremos ser um país que testemunhe ao mundo que a família é fonte vida e amor, que a mulher tem dignidade, que sua vocação à maternidade e o rol que deve ter na sociedade deve ser retamente valorado e que não queremos viver sob a escura e maligna ideologia de gênero", adicionou.

fonte:www.acidigital.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário