LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

2 de nov de 2011

Há um lugar no Céu....

"Todos passamos ou vamos passar pela experiência da perda de um ente querido, do mesmo jeito que todos sabemos que um dia morremos. 
A vida não nos pertence, assim como nossos entes queridos não nos pertencem. Somos de Deus. Estamos aqui de passagem, estamos aqui viajando, não temos morada definitiva aqui, mas caminhamos para a Jerusalém Celeste. O Céu é a nossa Pátria. ‘No Reino do Pai há muitas moradas. Eu vou preparar um lugar para você’. Jesus fala ‘moradas’ no plural, exatamente para isso, para que cada um entenda que, do jeito que vivermos nossa santidade de vida, com as limitações que temos, Deus nos acolherá em seu coração.
A misericórdia infinita de Deus reserva um lugar para cada um de nós..."
 
(trecho do livro: “Cura dos Traumas da Morte”)


Essa palavra de consolo, confiança e, sobretudo, de esperança, o padre Léo vem trazer para nós, nesse “dia de Finados”, quando louvamos e agradecemos a Deus pelo dom da Vida, de cada ente querido que conviveu conosco e que hoje está na glória de Deus.

Jesus é o verdadeiro caminho para o Céu, para a vida, vida plena. São João nos diz que voltando ao Pai, Jesus foi tomar posse do lugar já preparado para todos nós. No tempo marcado Ele virá, e nos levará consigo. Por isso, precisamos estar sempre prontos, vigilantes, pois não sabemos o dia, nem a hora.

Deus tem um celeste lar, onde há muitas moradas, e é para lá que todos os que crêem em Jesus irão. Será que estamos preparados para ir ao encontro do Pai, se Jesus vier nos buscar, ou se formos ao seu encontro hoje?
Precisamos responder essa pergunta, depois de refletirmos cada capítulo do livro: “Cura dos Traumas da Morte”, onde o padre Léo nos apresenta a “morte” como algo real, concreto, uma realidade que não podemos fugir, nos ensinando a enfrentá-la com maturidade e fé na ressurreição. E nos mostra Jesus como o único caminho para chegarmos à Jerusalém Celeste.

Quem segue Jesus não caminha para o fracasso, pois nossa meta é o Céu.

Márcia A Bezerra
Fonte:http://www.padreleoeterno.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário